Destaque

Governo Municipal de Nova Andradina decide antecipar férias escolares

A Prefeitura de Nova Andradina resolveu antecipar o recesso escolar dos alunos da Rede Municipal de Ensino (REME). O período de férias, previsto para acontecer entre os dias 17 e 31 de julho, irá ocorrer no período de 06 a 20 de maio, com retorno das atividades em 21 de maio.

A medida atinge cerca de 6 mil estudantes matriculados na Educação Infantil, Ensino Fundamental e EJA (Educação de Jovens e Adultos). A decisão, oficializada por meio da portaria nº37/2020, segue a orientação da Secretaria Estadual de Educação de Mato Grosso do Sul, que baseada nas orientações de autoridades da saúde, considera fundamental evitar aglomerações.

A secretária Giuliana Masculi Pokrywiecki, afirmou que a medida prevê o fim do primeiro bimestre no dia 05 de maio, mesma data prevista no Calendário Escolar, antes do avanço da doença em MS. Já o início do segundo bimestre foi alterado para o dia 21 de maio, seguindo assim o calendário escolar, sem a pausa prevista para o mês de julho.

“Neste momento, nossa preocupação é com a saúde dos alunos e profissionais da Educação, mas toda a nossa equipe Semec está trabalhando para que não haja maiores prejuízos ao ano letivo”, explicou a gestora.

As atividades nas escolas municipais estão paralisadas desde o dia 23 de março, como forma de coibir o avanço do coronavírus em Nova Andradina. Somente o setor administrativo está funcionando no período da manhã, para atendimento aos pais.

Durante a suspensão das aulas presenciais, foi desenvolvido um plano de contingência educacional, onde os professores da REME estão desenvolvendo as aulas na modalidade a distância, utilizando diversos meios para alcançar os estudantes, através dos mais variados recursos que disponibilizam as redes sociais e outras ferramentas on-line, com atendimento individualizado e em grupos.

Para os estudantes sem acesso à internet ou com baixa conectividade, a alternativa foi em busca da praticidade. As unidades de ensino passaram a fornecer materiais impressos que ficaram à disposição de alunos, pais e responsáveis para retirada na própria unidade escolar.

Os alunos que moram na zona rural, aqueles onde o acesso é mais complexo, os gestores escolares estão utilizando veículos da Secretaria de Educação para fazer chegar as atividades nas mãos dos mesmos.

Ainda não há uma definição sobre o retorno das aulas, se será presencial ou à distância.

Fonte: jornaldanova.com.br

Comment here