Destaque

Fiscalização suspende 8 festas em residências e interdita 1 conveniência

As equipes de fiscalização Sanitária Municipal tiveram muito trabalho neste final de semana para atender denúncias de festas clandestinas e fiscalizar o cumprimento integral dos decretos municipais voltados para combate e enfrentamento do COVID-19 em Nova Andradina.

Balanço apresentado nesta segunda-feira (06) aponta que 138 estabelecimentos comerciais e residências foram abordados no período de 02 a 05 de julho, resultando na interdição de 1 conveniência por 120 horas, 08 suspensões de festas em residências e 03 registros de boletim de ocorrência (B.O) em virtude de festas clandestinas com aglomeração de pessoas.

A maior operação aconteceu na sexta-feira (03), quando os órgãos municipais se uniram a Policia Militar, Força Tática, Corpo de Bombeiros e Ministério Público para a realização de mais uma blitz noturna. O trabalho teve continuidade no sábado e, principalmente, no domingo, quando a maioria dos estabelecimentos estavam proibidos de funcionar.

Durante as abordagens, as equipes observaram o cumprimento do horário de funcionamento, toque de recolher, aglomeração de pessoas, número de pessoas nas mesas, uso de máscaras de proteção individual, entre outros previstos pelos decretos em vigência.

Considerando os dados apurados, houve um aumento considerável no número de denúncias de festas em residências privadas, que obrigaram o deslocamento dos fiscais até os locais para averiguação dos fatos. A fiscalização esteve em 53 residências, dessas 42 receberam orientações, 8 tiveram que ser suspensas.

Na análise do secretário Sérgio Maximiano, os comerciantes respeitaram o domingo de quarentena e não abriram seus estabelecimentos. Contudo, foi verificado que no sábado houve aglomeração de pessoas e a presença de filas em supermercados e conveniências.

“Uma pequena parte da população não entendeu que para evitar o contágio é necessário um conjunto de medidas. O fechamento de alguns comércios foi apenas mais uma alternativa para diminuir a circulação de pessoas nas ruas e muitos não levaram a sério. A taxa de isolamento social ficou longe do esperado. A circulação de transeuntes não foi verificada, no entanto, o número de veículos circulando nas ruas foi considerável. Esperamos que a população reflita para que nas próximas semanas não cresçam os casos de Covid-19”, avalia o gestor da saúde.

Fonte- Nova Noticias

Comment here